Ciência e Tecnologia sob as lentes sociais

Por Regina Vargas

soc_logo Em sua 37ª edição, Sociologias apresenta o Dossiê ”Sociedade, Conhecimentos e Sustentabilidade” organizado por Maíra Baumgarten. Reunindo autores brasileiros, chilenos e portugueses, com abordagens teóricas e análises empíricas, o dossiê oferece uma diversidade de olhares da sociologia sobre o fazer científico, o desenvolvimento tecnológico e seus impactos.

O primeiro artigo introduz o dossiê, trazendo inicialmente algumas considerações histórico-teóricas sobre as relações entre sociedade, conhecimento e sustentabilidade, em que buscam identificar as interseções desse debate com a problemática do desenvolvimento. Em seguida, discute-se a trajetória dos estudos sociais da ciência e da tecnologia, detendo-se nos questionamentos construtivistas ao fazer científico e argumentando em favor de uma discussão ampliada sobre o conteúdo cognitivo envolvido no encerramento das controvérsias científicas, muitas vezes negligenciado por abordagens construtivistas. O trabalho que segue analisa a produção científica sobre sustentabilidade incluindo várias áreas de conhecimento, entre as décadas de 1990 e 2010, com foco nos arranjos conceituais que configuram o termo em cada uma das ciências e buscando compreender como essas abordam as interfaces “humanos/não humanos” e “ciência/política” no discurso da sustentabilidade. O quarto analisa a questão do consumo de água e energia na indústria de mineração sul-americana sob a perspectiva do consumo sustentável e sob um marco teórico dos estudos sociais da ciência. Outro artigo apresenta uma análise das práticas de sociabilidade mediadas pela Internet sob a perspectiva simmeliana argumentando que também essas são capazes de mobilizar recursos e prover apoio social. O sexto apoia-se em dados empíricos sobre rendimentos e hábitos de consumo de famílias de classe média em Portugal, e na constatação de crescentes desigualdades no acesso a bens e recursos característicos de uma sociedade do conhecimento e de uso intensivo de tecnologias de informação e comunicação, para demonstrar a relevância atual da concepção de classes sociais. Para tanto, identifica e analisa princípios sociais padronizados de diferenciação estrutural de recursos e de oportunidades, da perspectiva de uma “classe média”.

Sociologias 37° edição traz ainda em suas seções estudos envolvendo distintas linhas de pesquisa no campo sociológico: uma análise sobre a estrutura de classes e a mobilidade social no Brasil, um estudo sobre as motivações que levam pesquisadores e estudantes brasileiros a escolher Portugal para prosseguir sua formação ou investigação, e uma análise dos fatores fundados no discurso menemista que teriam possibilitado a formação de uma hegemonia cultural neoliberal na Argentina nos anos 90. Na seção Interfaces, o conceito de hiper real de Jean Baudrillard é utilizado para uma leitura teórico sociológica dos reality shows e, particularmente, da trilogia The Hunger Games voltada ao público juvenil, argumentando-se que, nessa última, a distopia futura representada na série constitui uma crítica à desigualdade social, econômica e tecnológica que já existe no mundo atual, propondo ao público juvenil uma reflexão crítica. A resenha da obra “Abusos policiales. La fuerza pública y sus usos”, de Fabien Jobard, encerra a edição.

Para ler os artigos, acesse:

BAUMGARTEN, Maíra. Sociedade e Sustentabilidade: qual o lugar do conhecimento?. Sociologias [online]. 2014, vol.16, n.37 [citado 2014-10-27], pp. 14-22. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-45222014000300014&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 1517-4522. http://dx.doi.org/10.1590/15174522-016003701.

TRIGUEIRO, Michelangelo Giotto Santoro. Os novos rumos dos estudos sociais de ciência e tecnologia; continuidade e ruptura na teoria social – implicações para o Brasil e a América Latina. Sociologias [online]. 2014, vol.16, n.37 [citado 2014-10-27], pp. 24-41. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-45222014000300024&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 1517-4522. http://dx.doi.org/10.1590/15174522-016003702.

SILVA JUNIOR, Roberto Donato da; FERREIRA, Leila da Costa; LEWINSOHN, Thomas Michael. Sustentabilidade entre interdisciplinaridade e propositividade: um olhar para artigos científicos em ecologia, economia, sociologia e antropologia. Sociologias [online]. 2014, vol.16, n.37 [citado 2014-10-27], pp. 42-70. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-45222014000300042&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 1517-4522. http://dx.doi.org/10.1590/15174522-016003703.

BAIGORROTEGUI, Gloria; PARKER, Cristian; ESTENSSORO, Fernando. Visiones sobre los tránsitos socio-técnicos hacia patrones de consumo sustentable en agua y energía en la minería sudamericana – dos controversias argentinas. Sociologias [online]. 2014, vol.16, n.37 [citado 2014-10-27], pp. 72-111. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-45222014000300072&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 1517-4522. http://dx.doi.org/10.1590/15174522-016003704.

FONTES, Breno. Tecendo Redes, Suportando o Sofrimento: sobre os círculos sociais da loucura. Sociologias [online]. 2014, vol.16, n.37 [citado 2014-10-27], pp. 112-143. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-45222014000300112&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 1517-4522. http://dx.doi.org/10.1590/15174522-016003705.

MAURITTI, Rosário; MARTINS, Susana da Cruz. Consumos de classe média num Portugal em crise: cultura, lazer e tecnologias de informação. Sociologias [online]. 2014, vol.16, n.37 [citado 2014-10-27], pp. 144-175. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-45222014000300144&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 1517-4522. http://dx.doi.org/10.1590/15174522-016003706.

RIBEIRO, Carlos Antonio Costa. Mobilidade e Estrutura de Classes no Brasil Contemporâneo. Sociologias [online]. 2014, vol.16, n.37 [citado 2014-10-29], pp. 178-217. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-45222014000300178&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 1517-4522.  http://dx.doi.org/10.1590/15174522-016003711.

ARAUJO, Emília Rodrigues; SILVA, Silvia. Ecos do tempo. A mobilidade de investigadores e estudantes brasileiros em Portugal. Sociologias [online]. 2014, vol.16, n.37 [citado 2014-10-27], pp. 218-250. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-45222014000300218&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 1517-4522. http://dx.doi.org/10.1590/15174522-016003712.

FAIR, Hernán. Claves para entender el éxito de la hegemonía menemista en la Argentina neoliberal de los años ’90. Sociologias [online]. 2014, vol.16, n.37 [citado 2014-10-29], pp. 252-277. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-45222014000300252&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 1517-4522. http://dx.doi.org/10.1590/15174522-016003713.

MENENDEZ, María Isabel Menéndez; MORALES, Marta Fernández. Entre el experimento sociológico y la manipulación: el hiperreal en The Hunger Games. Sociologias [online]. 2014, vol.16, n.37 [citado 2014-10-29], pp. 278-304. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-45222014000300278&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 1517-4522. http://dx.doi.org/10.1590/15174522-016003721.

RONDON, Edson Benedito. Abusos policiales. La fuerza pública y sus usos. Sociologias [online]. 2014, vol.16, n.37 [citado 2014-10-29], pp. 306-318. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-45222014000300306&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 1517-4522. http://dx.doi.org/10.1590/15174522-016003731.

Link relacionado:

Sociologias –  <http://www.scielo.br/soc/>

 

Como citar este post [ISO 690/2010]:

Ciência e Tecnologia sob as lentes sociais [online]. SciELO em Perspectiva: Humanas, 2014 [viewed ]. Available from: http://humanas.blog.scielo.org/blog/2014/10/29/ciencia-e-tecnologia-sob-as-lentes-sociais/

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post Navigation