Megacidades, habitação e mobilidade em discussão na nova edição da revista urbe

Rodrigo José Firmino, Editor-chefe, Curitiba, PR, Brasil

Eliza Mara Arruda Dias, Apoio técnico editorial, Curitiba, PR, Brasil

urbe_logoA última edição de 2015 da urbe traz nove artigos que tratam desde questões brasileiras de habitação e mobilidade até conflito espacial no México. Destacam-se três artigos: “As definições de assentamentos precários e favelas e suas implicações nos dados populacionais: abordagem da análise de conteúdo”; “Programa Estadual de Mobilidade Urbana do Governo do Estado de Pernambuco (PROMOB): políticas públicas inovadoras ou repetição das práticas realizadas no passado?” e “Modelo de avaliação do nível de sustentabilidade urbana: proposta para as cidades brasileiras”.

O primeiro artigo discute as diferentes definições de assentamentos precários e favelas e suas implicações nos dados estatísticos populacionais. Essas definições foram analisadas quantitativa e qualitativamente e ressaltaram duas principais diferenças: na caracterização do objeto e nos tipos de qualificação, essas diferenças têm consideráveis implicações nos dados populacionais, dificultando sua mensuração e tornando-os menos precisos.

O segundo artigo propõe compreender a principal e mais recente política pública voltada para mobilidade urbana na Região Metropolitana do Recife (RMR) implementada pelo Governo do Estado de Pernambuco, denominada Programa Estadual de Mobilidade Urbana (PROMOB). O principal objetivo do trabalho é entender até que ponto o PROMOB apresenta-se como um conjunto de políticas públicas de mobilidade urbana realmente inovadora, em relação às políticas públicas voltadas para o mesmo fim, realizadas pelos governos anteriores.

O último artigo em destaque propõe um modelo para análise da sustentabilidade urbana, considerando que os indicadores de sustentabilidade permitem captar características do ambiente urbano e revelar a (in)sustentabilidade urbana. Em termos de contribuição, o modelo gera subsídios para análises mais consistentes dos problemas urbanos, oferecendo suporte às políticas públicas e aos processos de desenvolvimento urbano e de monitoramento da sustentabilidade das cidades.

Os demais artigos são: um estudo de caso na cidade de Xalapa, Veracruz – México, sobre conflito espacial, exclusão e espaços públicos, e os demais artigos relatam experiências nacionais, como: o desafio da federação na criação de municípios e formalização de regiões metropolitanas; cidades inteligentes como nova prática para o gerenciamento dos serviços e infraestruturas urbanos; a acessibilidade de pessoas com mobilidade reduzida no âmbito dos programas de habitação popular do governo federal, e, por fim, os instrumentos de planejamento e preparo dos municípios brasileiros no contexto da Política Nacional de Proteção e Defesa Civil.

A urbe. Revista Brasileira de Gestão Urbana é uma revista de estudos urbanos, de frequência quadrimestral, online e de acesso aberto.

Para ler os artigos, acesse:

BONILLA, M. H., and GOMEZ, S. G. Conflicto espacial, exclusión y espacio público en la centralidad urbana de Xalapa, Veracruz. urbe, Rev. Bras. Gest. Urbana [online]. 2015, vol.7, n.3, pp. 281-294. [viewed 5th November 2015]. ISSN 2175-3369. DOI: 10.1590/2175-3369.007.003.AO04. Available from: http://ref.scielo.org/gh9937

FERNANDES, A. S. A., and ARAUJO, S. M. V. G. A criação de municípios e a formalização de regiões metropolitanas: os desafios da coordenação federativa. urbe, Rev. Bras. Gest. Urbana [online]. 2015, vol.7, n.3, pp. 295-309. [viewed 5th November 2015]. ISSN 2175-3369. DOI: 10.1590/2175-3369.007.003.AO07. Available from: http://ref.scielo.org/mrz7v7

WEISS, M. C., BERNARDES, R. C., and CONSONI, F. L. Cidades inteligentes como nova prática para o gerenciamento dos serviços e infraestruturas urbanos: a experiência da cidade de Porto Alegre. urbe, Rev. Bras. Gest. Urbana [online]. 2015, vol.7, n.3, pp. 310-324. [viewed 5th November 2015]. ISSN 2175-3369. DOI: 10.1590/2175-3369.007.003.AO01. Available from: http://ref.scielo.org/sj8z9n

FRANCA, K. C. B. Os gargalos para a provisão habitacional em municípios de pequeno porte: análise do programa Minha Casa, Minha Vida. urbe, Rev. Bras. Gest. Urbana [online]. 2015, vol.7, n.3, pp. 325-339. [viewed 5th November 2015]. ISSN 2175-3369. DOI: 10.1590/2175-3369.007.003.AO02. Available from: http://ref.scielo.org/cf3s8s

QUEIROZ FILHO, A. P. As definições de assentamentos precários e favelas e suas implicações nos dados populacionais: abordagem da análise de conteúdo. urbe, Rev. Bras. Gest. Urbana[online]. 2015, vol.7, n.3, pp. 340-353. [viewed 5th November 2015]. ISSN 2175-3369. DOI: 10.1590/2175-3369.007.003.AO03. Available from: http://ref.scielo.org/nh9j6s

BEHAR, A. H., and DOURADO, D. C. P. Programa Estadual de Mobilidade Urbana do Governo do Estado de Pernambuco (PROMOB): políticas públicas inovadoras ou repetição das práticas realizadas no passado?. urbe, Rev. Bras. Gest. Urbana [online]. 2015, vol.7, n.3, pp. 354-367. [viewed 5th November 2015]. ISSN 2175-3369. DOI: 10.1590/2175-3369.007.003.AO05. Available from: http://ref.scielo.org/j5qp69

MACHADO, M. H., and LIMA, J. P. Avaliação multicritério da acessibilidade de pessoas com mobilidade reduzida: um estudo na região central de Itajubá (MG). urbe, Rev. Bras. Gest. Urbana [online]. 2015, vol.7, n.3, pp. 368-382. [viewed 5th November 2015]. ISSN 2175-3369. DOI: 10.1590/2175-3369.007.003.AO08. Available from: http://ref.scielo.org/bnmzvn

COUTINHO, M. P., LONDE, L. R., SANTOS, L. B. L., and LEAL, P. J. V. Instrumentos de planejamento e preparo dos municípios brasileiros à Política de Proteção e Defesa Civil. urbe, Rev. Bras. Gest. Urbana [online]. 2015, vol.7, n.3, pp. 383-396. [viewed 5th November 2015]. ISSN 2175-3369. DOI: 10.1590/2175-3369.007.003.AO06. Available from: http://ref.scielo.org/8fc7ky

MARTINS, M. F., and CANDIDO, G. A. Modelo de avaliação do nível de sustentabilidade urbana: proposta para as cidades brasileiras. urbe, Rev. Bras. Gest. Urbana [online]. 2015, vol.7, n.3, pp. 397-410. [viewed 5th November 2015]. ISSN 2175-3369. DOI: 10.1590/2175-3369.007.003.AO09. Available from: http://ref.scielo.org/vgm8jj

Links externos:

Revista urbe – http://www.scielo.br/urbe

PUC/urbe – www.pucpr.br/urbe

 

Como citar este post [ISO 690/2010]:

FIRMONO, R. J., and DIAS, E. M. A. Megacidades, habitação e mobilidade em discussão na nova edição da revista urbe [online]. SciELO em Perspectiva: Humanas, 2015 [viewed ]. Available from: http://humanas.blog.scielo.org/blog/2015/11/17/megacidades-habitacao-e-mobilidade-em-discussao-na-nova-edicao-da-revista-urbe/

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post Navigation