Bakhtiniana e nosso tempo

Maria Helena Cruz Pistori, Editora executiva de Bakhtiniana, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUC-SP, São Paulo, Brasil

bak_logoDurante esta semana de Bakhtiniana no Blog SciELO em Perspectiva|Humanas, tivemos a oportunidade de dialogar com uma comunidade mais ampla de intelectuais e acadêmicos, e também com a sociedade de modo geral, para quem, muitas vezes, os estudos da academia têm estado distantes. Na realidade, o SciELO, mais do que um indexador de referência internacional dos periódicos científicos, nos proporciona uma ampliação do conhecimento em diferentes frentes da ciência nacional, e uma compreensão do que se faz no país em termos de desenvolvimento científico. Uma compreensão responsiva, bakhtinianamente afirmamos, isto é, à qual respondemos valorativamente, posicionando-nos de modo responsável.

Os estudos discursivos, aos quais se dedica Bakhtiniana, partem do texto, dado primário da Linguística, Filologia, das Ciências Humanas e Sociais. Textos são vinculados a outros textos, palavras são vinculadas a outras, numa relação dialógica, e remetem à verdade, ao bem, à beleza, à história … Vivemos em um mundo de palavras do outro e toda nossa vida é uma orientação nesse mundo em busca da nossa própria palavra, do nosso posicionamento, num contexto sem limites temporais ou espaciais.

Essa, pois, a importância maior dos estudos discursivos, para os quais Bakhtiniana tem procurado contribuir. Por isso mesmo, acreditando em sua relevância, temos buscado maior visibilidade ao periódico, buscando inseri-lo na dimensão internacional proposta pelos órgãos de avaliação e pela pós-graduação brasileira contemporânea.

Aliás, sobre as estratégias de divulgação, visibilidade e internacionalização de nosso periódico, ainda temos muitos desafios pela frente. E é sobre eles que Orison Marden Bandeira de Melo Jr. (UFRN) e Bruna Lopes-Dugnani (UFRPe/UAST), editores executivos da revista, falam no vídeo apresentado ao fim deste post.

Mais uma vez, agradecemos ao SciELO e, especialmente à equipe do Blog |Humanas, a oportunidade de divulgação de nosso trabalho.

Abaixo, vídeo de Bruna Lopes-Dugnani

Abaixo, vídeo de Orison Marden Bandeira de Melo Jr.

Para ler os artigos, acesse

BRAIT, B., PISTORI, M. H. C., LOPES-DUGNANI, B. and MELO JUNIOR, O. M. B. Apresentação. Bakhtiniana, Rev. Estud. Discurso [online]. 2016, vol.11, n.1, pp.2-3. [viewed 31th March 2016]. ISSN 2176-4573. DOI: 10.1590/2176-457325561. Available from: http://ref.scielo.org/fxfftr

THOMSON, C. Mikhail Bakhtin: seu tempo e o nosso. Bakhtiniana, Rev. Estud. Discurso [online]. 2016, vol.11, n.1, pp.4-17. [viewed 31th March 2016]. ISSN 2176-4573. DOI: 10.1590/2176-457325560. Available from: http://ref.scielo.org/mspf9d

BRANDIST, C. Bakhtin’s Historical Turn and Its Soviet Antecedents. Bakhtiniana, Rev. Estud. Discurso[online]. 2016, vol.11, n.1, pp.18-41. [viewed 31th March 2016]. ISSN 2176-4573. DOI: 10.1590/2176-457324626. Available from: http://ref.scielo.org/f6qnzx

EMERSON, C. Creative Ways of Not Liking Bakhtin: Lydia Ginzburg and Mikhail Gasparov. Bakhtiniana, Rev. Estud. Discurso [online]. 2016, vol.11, n.1, pp.42-76. [viewed 31th March 2016]. ISSN 2176-4573. DOI: 10.1590/2176-457324391. Available from: http://ref.scielo.org/w5vmj4

LOFTS, S. G. Bakhtin and Cassirer: The Event and the Machine. Bakhtiniana, Rev. Estud. Discurso[online]. 2016, vol.11, n.1, pp.77-98. [viewed 31th March 2016]. ISSN 2176-4573. DOI: 10.1590/2176-457324739. Available from: http://ref.scielo.org/wdzd54

MEDVEDEV, I. P., MEDVEDEVA, D. A. and SHEPHERD, D. The Polyphony of the Circle. Bakhtiniana, Rev. Estud. Discurso [online]. 2016, vol.11, n.1, pp.99-144. [viewed 31th March 2016]. ISSN 2176-4573. DOI: 10.1590/2176-457324397. Available from: http://ref.scielo.org/z25hn8

BUBNOVA, T. Bakhtin and Benjamin: On Goethe and Other Matters. Bakhtiniana, Rev. Estud. Discurso[online]. 2016, vol.11, n.1, pp.145-172. [viewed 31th March 2016]. ISSN 2176-4573. DOI: 10.1590/2176-457324664. Available from: http://ref.scielo.org/8xshtm

HIRSCHKOP, K. Bakhtin Against the Darwinists and Cognitivists. Bakhtiniana, Rev. Estud. Discurso[online]. 2016, vol.11, n.1, pp.173-186. [viewed 31th March 2016]. ISSN 2176-4573. DOI: 10.1590/2176-457324722. Available from: http://ref.scielo.org/jt7fx3

HITCHCOCK, P. Novelization and Serialization: Or, Forms of Time Otherwise. Bakhtiniana, Rev. Estud. Discurso [online]. 2016, vol.11, n.1], pp.187-207. [viewed 31th March 2016]. ISSN 2176-4573. DOI: 10.1590/2176-457324995. Available from: http://ref.scielo.org/pf674r

HUTCHEON, L. The Review as Bakhtinian Rejoinder: Edward W. Said as Music Reviewer. Bakhtiniana, Rev. Estud. Discurso [online]. 2016, vol.11, n.1, pp.208-227. [viewed 31th March 2016]. ISSN 2176-4573. DOI: 10.1590/2176-457324395. Available from: http://ref.scielo.org/hjyj7r

WALL, A. Eavesdropping on Painting. Bakhtiniana, Rev. Estud. Discurso [online]. 2016, vol.11, n.1, pp.228-263. [viewed 31th March 2016]. ISSN 2176-4573. DOI: 10.1590/2176-457324398. Available from: http://ref.scielo.org/sy84c

Rerefência

BAKHTIN, M. Metodologia das ciências humanas. São Paulo: M. Fontes, 2003.

Link externo

Bakhtiniana – BAK: www.scielo.br/bak

 

Como citar este post [ISO 690/2010]:

PISTORI, M. H. C. Bakhtiniana e nosso tempo [online]. SciELO em Perspectiva: Humanas, 2016 [viewed ]. Available from: http://humanas.blog.scielo.org/blog/2016/04/29/bakhtiniana-e-nosso-tempo/

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post Navigation