Revista Brasileira de Educação (RBE) traz estudos sobre impacto da lei do Teto de Gastos na Educação e sobre a lei de Cotas

João Marcos Veiga, jornalista/ANPEd, Rio de Janeiro (RJ), Brasil

Vinculada à ANPEd (Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação), a Revista Brasileira de Educação (RBE) divulga sua edição de número 71. Como forma de popularização da pesquisa científica em Educação, a Comunicação da Associação vem desde 2016 publicando entrevistas com autores de artigos, a exemplo, nesta edição, do artigo “Com a PEC 241/55 (EC 95) haverá prioridade para cumprir as metas do PNE (2014-2024)?” (AMARAL, 2017). No trabalho, o pesquisador e professor da Universidade Federal de Goiás (UFG) Nelson Cardoso Amaral demonstra, por meio de comparativos de investimentos na última década, como o novo regime fiscal aprovado em dezembro de 2016 compromete a lei do PNE, assim como criará uma disputa entre as diferentes pastas do executivo federal. “A pergunta que se coloca nesse ponto é se até o ano de 2024 a área de educação será novamente priorizada no contexto do Poder Executivo, como ocorreu de 2006 a 2012, pois somente dessa forma as metas do PNE (2014-2024) mais diretamente associadas à União poderão ser cumpridas, além de se elevar a participação da União nos recursos que precisam ser aplicados na Educação Básica”, aponta o texto.

O artigo “Formação de docentes e currículos para além da resistência” Nilda Guimarães Alves (2017) aponta uma trajetória das práticas e do pensamento acerca da formação dos docentes no Brasil e seus currículos, indicando uma possibilidade histórica que foi além da resistência à agenda oficial, para isso analisando experiência do desenvolvimento de um curso de Pedagogia na cidade de Angra dos Reis (RJ) pela Faculdade de Educação da UFF – Universidade Federal Fluminense. Outro artigo de destaque é “Narrativas de cotistas raciais sobre suas experiências na universidade”, em que Isabele Batista de Lemos (2017) analisa o impacto das cotas raciais nas universidades públicas e seu desafio de expansão.

Transição

Ao longo do segundo semestre de 2017 a RBE passa por uma transição para o meio unicamente eletrônico. A edição n. 70 (jul./set. 2017) foi publicada num volume único, não mais impresso. Por sua vez, o número 71 está sendo publicado em três diferentes momentos, outubro, novembro e dezembro — em cada um destes lotes são publicados 12 artigos, fechando o ano com 40% a mais de textos aprovados em comparação aos anos anteriores. A partir de 2018, a cada mês será publicado um conjunto de artigos, mantendo a previsão de ampliação de 40% do número de textos circulados. Neste formato, não haverá mais número do periódico e, sim, um volume único que será fechado ao final do ano.

A previsão é que, já entre 2018 e 2019, haja uma diminuição drástica do tempo entre a aprovação de um artigo e a sua publicação online — de 30%, de 18 para 12 meses —, um dos principais gargalos para os periódicos acadêmicos de modo geral. Diversos outros ganhos poderão ser percebidos a partir disso, como a maior atualidade das pesquisas publicadas, menos gastos de impressão e adequação a questões ambientais pela valorização do meio virtual. “Com a produção digital avulsa e a maior agilidade na publicação dos artigos aprovados, espera-se que aumente o interesse de grupos de pesquisadores nacionais e estrangeiros pela RBE e, mais do que isso, que resultados de pesquisa, ensaios teóricos, revisões bibliográficas e trabalhos empíricos que tratem de temas atuais e/ou de interesse contemporâneo possam ser publicados por demanda espontânea ou induzida”, afirma Antônio Amorim (UNICAMP), editor da RBE.

No canal da ANPEd no Youtube você encontra entrevista com o editor da RBE, Antonio Amorim, e outros conteúdos especiais. E na seção de entrevistas do portal da ANPEd, você também pode acessar bate-papo com outras autoras de artigos citados aqui, como Nilda Alves (UERJ) e Isabele  Batista de Lemos (UFPA).

Histórico

A RBE circulou seu primeiro número em 1995. Nestes mais de 20 anos, consolidou-se como uma das mais importantes publicações acadêmicas da área — qualidade que também se reflete no alcance de seus artigos, estando entre os 10 periódicos mais citados das Ciências Humanas e Sociais na plataforma SciELO (MEDEIROS, 2016). Entre artigos, resenhas, entrevistas e documentos recebidos em fluxo contínuo, são publicados em média 48 trabalhos por volume/ano — média de 12 para cada edição trimestral no formato atual, com tiragem de três mil exemplares por número. Desde 2015 (jul./set. n. 62), a RBE também publica artigos em versão bilíngue seguindo a dinâmica do processo de internacionalização dos periódicos brasileiros, com o objetivo de ampliar a visibilidade de textos de autores nacionais e de temas relevantes e atuais.

Referências

ALVES, N. G. Formação de docentes e currículos para além da resistência. Rev. Bras. Educ., v. 22, n. 71, e227147, 2017.  ISSN: 1413-2478 [viewed 30 January 2018]. DOI:  10.1590/s1413-24782017227147. Available from: http://ref.scielo.org/chm4j8

AMARAL, N. C. Com a PEC 241/55 (EC 95) haverá prioridade para cumprir as metas do PNE (2014-2024)?. Rev. Bras. Educ., v. 22, n. 71, e227145, 2017.  ISSN: 1413-2478 [viewed 30 January 2018].  DOI: 10.1590/s1413-24782017227145. Available from: http://ref.scielo.org/gbjb9m

LEMOS, I. B. Narrativas de cotistas raciais sobre suas experiências na universidade. Rev. Bras. Educ., v. 22, n. 71, e227161, 2017. ISSN: 1413-2478 [viewed 30 January 2018].  DOI: 10.1590/s1413-24782017227161. Available from: http://ref.scielo.org/9s59rc

MEDEIROS, C. Ranking SciELO – Top 10 revistas com mais acessos. Ciência em Revista, 2016. ISSN: 2526-6187 [viewed 30 January 2018]. Available from: http://www.blogs.ea2.unicamp.br/cienciaemrevista/2016/10/19/ranking-scielo/

Para ler os artigos, acesse

Rev. Bras. Educ. vol.22 no.71 Rio de Janeiro  2017

Link externo

Revista Brasileira de Educação – RBEDU: www.scielo.br/rbedu

 

Como citar este post [ISO 690/2010]:

VEIGA, J. M. Revista Brasileira de Educação (RBE) traz estudos sobre impacto da lei do Teto de Gastos na Educação e sobre a lei de Cotas [online]. SciELO em Perspectiva: Humanas, 2018 [viewed ]. Available from: http://humanas.blog.scielo.org/blog/2018/02/01/revista-brasileira-de-educacao-rbe-traz-estudos-sobre-impacto-da-lei-do-teto-de-gastos-na-educacao-e-sobre-a-lei-de-cotas/

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post Navigation