Author: Ensaio

Violências nas escolas: o labirinto tem saída?

Estudo revela que é possível alcançar significativas mudanças quando os professores trocam a metodologia tradicional pelo debate de problemas, projetos, diálogo e afetividade, permitindo o desenvolvimento da subjetividade e protagonismo dos adolescentes. Neste sentido, os resultados da pesquisa apresentam sugestões para alterar a formação de professores. Read More →

Sobre a influência do gênero no ensino e na aprendizagem das ciências

Estudo analisa a proximidade entre as estratégias de aprendizagem preferidas por estudantes, moças e moços, e as estratégias desenvolvidas por docentes, professoras e professores, nas aulas de ciências de 9.º ano.
O estudo infere que, apesar de se registarem algumas diferenças entre moças e moços, estas diferenças se tornam mais acentuadas quando se comparam as preferências manifestadas dentro de cada um destes grupos ou quando se comparam as preferências do grupo de estudantes com as práticas docentes.
Read More →

Qual a trajetória do fomento à iniciação científica no país?

Estudo analisa a trajetória da institucionalização da Iniciação Científica (IC) e da Iniciação Científica Júnior (ICJ) no país em geral e, particularmente, na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Nesta instituição (IES) a não utilização de todas as bolsas de ICJ disponibilizadas, na modalidade do Programa de IC – Ensino Médio (PIBIC-EM), aponta a tendência de refluxo do Programa, tornando questionável a materialização da metáfora do “círculo virtuoso”. Read More →

Quais as bases normativas e as condições político-institucionais da gestão democrática em sistemas municipais de ensino?

Pesquisa analisa o quadro normativo e as condições político-institucionais relativos à gestão democrática do ensino público no âmbito dos sistemas municipais de ensino do estado do Piauí. Resulta da etapa estadual de uma pesquisa em rede de abrangência nacional (Rede Mapa) que tomou por base as leis municipais que institucionalizaram os respectivos sistemas de ensino. Read More →

Contradições da valorização da “realidade” das escolas

Estudo analisa a recepção de políticas nacionais de avaliação externa de sistemas educacionais no contexto de um município da região metropolitana do Rio de Janeiro. Argumenta que as visões de gestores e sindicalistas sobre as políticas educacionais não são, necessariamente, sustentadas por conhecimento técnico sobre o desenho das políticas. Read More →

O acesso às tecnologias digitais como estratégia para a redução das desigualdades sociais? O PROUCA

O Programa Um Computador por Aluno (PROUCA) — política pública para a inclusão digital via ambiente escolar, renova a utopia técnica de que a sociedade evolui qualitativamente com a aquisição de TIC. Problemas e deficiências na infraestrutura para a sua implantação, na gestão de seus processos e na formação dos professores não se constituem aspectos pontuais, mas estruturantes deste Programa, que é alinhado as orientações internacionais de cunho neoliberal. Read More →

Ensino de Ciências Naturais e o distanciamento entre as prescrições e o que realmente acontece nas escolas

Estudo revela que há predomínio no uso de provas, estímulo à competição e que a avaliação nas escolas se distancia das orientações oficiais devido a um conjunto de adversidades enfrentadas pelos docentes, geralmente, invisíveis aos que fazem as políticas públicas. Reflete-se também as possibilidades e limitações das avaliações externas e proposta incerta do PNE para englobar o Ensino de Ciências no o Sistema de Avaliação da Educação Básica (SAEB). Read More →

Programa de trabalho customizado em educação especial

Pesquisa analisou implementação de um programa de “trabalho customizado” para 4 jovens com deficiência intelectual de uma escola especial. O trabalho customizado é uma proposta americana de inserção de pessoas com deficiência em atividades laborais, o que permite a diminuição das barreiras atitudinais, bom desempenho dos funcionários, além de possibilitar um campo fértil de atuação da Educação Especial. Read More →

Quais raciocínios fundamentam o Plano Nacional de Educação (PNE)?

Estudo examina os argumentos que justificam as 20 metas para o decênio 2014-2024 do Plano Nacional de Educação (PNE), expostas no Caderno Digital, dirigido à comunidade escolar. A análise revela o que se diz desejável para o processo educativo e o que orienta as ações consideradas adequadas para a escolarização. Read More →

Um campo em construção: a emergência de estudos sobre a governança da educação no Brasil

Análise da produção acadêmica e científica acerca do fenômeno “governança”, no período de 2004 a 2015, apresenta importantes contribuições para a compreensão da enfoque regulador e coordenador do Estado, das parcerias público-privadas e do impacto nas políticas educacionais e no trabalho docente. Read More →

A field in construction: the emergence of studies on governance of education in Brazil

Analysis of academic and scientific production about the phenomenon of “governance”, in the period 2004 to 2015, presents important contributions to the understanding of the reconfiguration of the State, the public-private partnerships and the impact on educational policies and work professor. Read More →

Pesquisa analisa concepções da Educação Profissional e Tecnológica

Além de trazer constatações e discussões sobre o desenvolvimento da Educação Profissional e Tecnológica (EPT) no Brasil, a pesquisa destaca a importância da participação da sociedade civil e da comunidade acadêmica na construção das políticas educacionais. Read More →