Category: Análises

Fluxos migratórios e novas demandas e necessidades para o Sistema Único de Saúde (SUS): doença de Chagas e população boliviana na cidade de São Paulo

Migrações internacionais constituem novo fenômeno social. Saúde é campo sensível, perfis epidemiológicos e demandas para os serviços. No Brasil a presença de imigrantes sulamericanos, com inserção precária nas metrópoles, principalmente de bolivianos na cidade de São Paulo são expressivos. Estudo aborda atendimento aos bolivianos no SUS, enfocando doença de Chagas, por meio de entrevistas com profissionais dos serviços de saúde na região central de São Paulo, principal destino dessa população. Condições de vida e trabalho determinam perfis de adoecimento e iniquidades em saúde. Idioma e cultura são limites. Read More →

Ficção e realidade: quais os limites da autoria em um trabalho de arte?

Quais são as fronteiras entre ficção e realidade na literatura? Até que ponto um trabalho de arte pode simular a verdade? Ao comentar sobre os livros Diário da Cadeia e A Vista Particular, Ricardo Lísias questiona o conceito de anonimato em obras literárias e suas questões jurídicas, além da divulgação de dados confidenciais pela mídia e da utilização das redes sociais. Read More →

Reflexos na Casa de Vidro: Agnaldo Farias comenta as fotografias de Mauro Restiffe

Agnaldo Farias, em texto publicado na revista ARS, comenta a Série – Casa de Vidro, de Mauro Restiffe, e propõe o fotógrafo como produtor de imagens assim como o vidro da casa de Philip Johnson – que reflete o jardim externo da casa e o leva para o interior da arquitetura enquanto imagem. Restiffe seria, então, um produtor de imagens constituídas por outras imagens. Read More →

A linha que atravessa a sobrevivência: encontros com Silviano Santiago, Oiticica e Machado

Duas relações que florescem e tomam formas inenarráveis em detalhes que a intimidade ou o mergulho na investigação podem trazer, atravessando uma linha de vivência e sobrevivência. Desta forma, Silviano Santiago apresenta dois encontros e suas ambientações entre as memórias de uma amizade em Nova York nos anos 70 com Oiticica e a produção de um escritor nos “anos de sobrevivência” sobre Machado. Read More →

Uma pausa para reavaliação: desdobramentos e parcerias poéticas de Hélio Oiticica

Diante das múltiplas abordagens interpretativas sobre a produção de Hélio Oiticica, Frederico Coelho propõe uma análise pontual: focalizar a trajetória do artista em torno de 1970, ano em que ele avalia os rumos de suas criações e momento que se abre para um conjunto novo de interesses e parcerias artísticas. Read More →

Direitos humanos após a determinação do status de refugiado

Para trazer mais reflexões sobre os direitos humanos dos refugiados nos países de acolhida, resgata-se “uma análise sobre o momento pós-determinação do status de refugiado” publicada pela Revista Brasileira de Política Internacional (vol. 56, n. 1) em 2013. Read More →

Os impactos da migração para a plataforma ScholarOne® sobre o fluxo editorial em um periódico da área de humanas [Publicado originalmente no editorial do vol. 23 n. 54 na Revista de Sociologia e Política]

O texto discute resultados da racionalização de rotinas editoriais em um periódico científico. Desde que a Revista de Sociologia e Política passou a realizar o processo de arbitragem na plataforma ScholarOne®, uniformizou-se o tempo dispensado na tomada de decisões e aperfeiçoamos o trabalho dos avaliadores. Os indicadores revelam que a plataforma é eficaz para a profissionalização da atividade editorial. Read More →

Internacionalização da RAE

Eduardo Diniz, editor chefe da RAE, faz uma análise do avanço do processo de internacionalização do periódico, iniciado em 2009. Dentre as ações que contribuíram para o aumento da visibilidade do periódico, estão: o lançamento da versão trilíngue do sistema de submissão que aumentou o prestígio do periódico para além do território brasileiro; à melhoria obtida nos prazos de avaliação; e o aparecimento da RAE na lista do Journal Citations Report (JCR) entre os periódicos com fator de impacto. Read More →