Category: Entrevistas

Estudo bibliométrico revela quando a palavra globalização deu lugar a internacionalização na pesquisa em Administração

Em comemoração aos 55 anos da RAE, celebrados na nova edição, volume 57, número 4 de 2017, o periódico apresenta um artigo especial com a pesquisa bibliométrica realizada em seu acervo por especialistas da FGV. Os autores identificaram os diferentes períodos na gestão do periódico e também algumas curiosidades, como quando o termo “globalização” sumiu do vocabulário dos pesquisadores brasileiros. Read More →

Como pesquisas em Administração podem unir rigor e relevância para o desenvolvimento das organizações?

Pesquisas em Administração são marcadas por um debate clássico sobre a teoria, compreendida como o rigor metodológico empregado na pesquisa, e a prática como sendo a relevância, a contribuição oferecida para o desenvolvimento das organizações e sociedades. Devido a importância do tema, RAE coloca esse assunto novamente em pauta e reflete sobre o desafio de unir rigor e relevância em Administração. Read More →

RAE: História e tradição em publicação científica

Na história de 55 anos da RAE, ex-diretores e editores destacam a ousadia de publicar um periódico científico quando os cursos de Administração de Empresas no Brasil eram recentes. Ao longo de sua trajetória, RAE passou por diferentes períodos de gestão e mudanças editoriais que a transformaram numa das mais tradicionais publicações da área. Read More →

Desafios para a internacionalização de periódicos do Brasil: quem paga a conta?

A internacionalização de periódicos científicos do Brasil já é uma realidade na comunidade acadêmica, mas, apesar disso, enfrentam problemas com a profissionalização no processo editorial e altos custos para aprimorar a qualidade e investir na divulgação das pesquisas publicadas. Read More →

FGV Escola de Administração de Empresas de São Paulo, uma escola americana?

O contexto do pós-guerra e o sucesso da economia industrial dos Estados Unidos cooperaram para a expansão do ensino em management estadunidense em várias partes do mundo e, talvez, do estilo de vida americano. Na década de 50, o Brasil ansiava pelo desenvolvimento industrial e econômico e, nesse contexto, brasileiros e americanos criaram a Escola de Administração de Empresas de São Paulo, a FGV EAESP. Read More →

Cadernos Pagu: desafios, nossas respostas e novidades

Como cadernos pagu tem procurado fazer frente aos desafios que se colocam no universo da publicação científica? Que esforços têm se realizado para manter a qualidade que tem marcado sua atuação ao longo dos últimos 24 anos? No vídeo, saiba mais sobre o próximo número, que conta com o dossiê Gênero e Estado, organizado por Adriana Vianna (Museu Nacional/RJ) e Laura Lowenkron (UERJ). Read More →

A produção da inteligibilidade de refugiados e de vítimas: gênero, sexualidade, direitos e narrativas de violência

Como se dá o acesso a direitos, seja por via da justiça ou no universo institucional do refúgio? Como os discursos sobre gênero, sexualidade e narrativas sobre violência produzem sujeitos inteligíveis para as políticas de Estado? Como se posicionam diversos atores nessas arenas de disputas? Essas são as questões exploradas nas entrevistas com Isadora Lins França e Roberto Efrem Filho, que publicaram artigos no nº 50 do cadernos pagu. Read More →

Violência e gênero: novos debates, antigos dilemas

Como os estudos de gênero têm contribuído para o conhecimento e para políticas relacionados a violência e distribuição de justiça? Como a abordagem da violência dirigida a mulheres turistas pode contribuir para enfrentar antigos dilemas dos estudos sobre gênero e violência? Para responder essas questões, cadernos pagu entrevistou Guita Grin Debert, Maria Filomena Gregori e Adriana Piscitelli, antropólogas e pesquisadoras do Núcleo de Estudos de Gênero Pagu. Read More →

“Ideologia de gênero”: índice de um fenômeno político transnacional

Qual a origem, usos e repercussões no cenário internacional da expressão “ideologia de gênero”? Esse é o tema do artigo de Mónica Cornejo-Valle e José Ignacio Pichardo Galán (Universidad Complutense de Madrid), que analisa o caso espanhol, precursor na mobilização da categoria para contrapor o avanço de direitos sexuais e reprodutivos. Pesquisadores do Centro Latino-Americano em Sexualidade e Direitos Humanos foram convidados a debatê-lo. Read More →

Concepções de vida, concepções de pessoa: debates sobre tecnologias reprodutivas e aborto no Brasil e na Argentina

O que há em comum entre os debates parlamentares acerca do aborto no Brasil e das tecnologias reprodutivas na Argentina? Como perspectivas conservadoras estão presentes nesses debates? Para responder essas questões cadernos pagu entrevista Lucía Ariza e de Lia Zanotta Machado (vídeo), autoras no dossiê Conservadorismo, direitos, moralidades e violência. Read More →

Conservadorismo, religião e política: um diálogo entre Brasil e Argentina

Moral religiosa e liberdade sexual são intrinsecamente opostas? A produção científica é patrimônio exclusivo da esfera secular? Todo direito democrático deve ter base científica? Para interrogar esses lugares comuns de modo a torná-los problemas socioantropológicos, entrevistamos Ronaldo de Almeida e Juan Marco Vaggione, que publicaram artigos focalizando relações sobre religião e esfera pública no nº 50 do cadernos pagu. Read More →

Gênero e sexualidade no Brasil: balanços e desafios atuais

Como tem se adensado o conhecimento relacionado a gênero e sexualidade no Brasil? Que desafios esse campo de estudos enfrenta no atual contexto brasileiro? Para responder essas questões, cadernos pagu recuperou alguns balanços publicados nos últimos anos e entrevistou Sérgio Carrara, professor da Universidade Estadual do Rio de Janeiro e coordenador do Comitê Gênero e Sexualidade da Associação Brasileira de Antropologia (ABA). Read More →