Tag: Antropologia

Identificação policial no atlântico sul-americano

Estudo apresenta como nas últimas décadas do século XIX, difundiram-se no mundo diferentes métodos de identificação. No espaço atlântico sul-americano, dois desses sistemas, a antropometria e a datiloscopia, disputaram a hegemonia nas polícias. Read More →

“Ciência, raça e eugenia”, na segunda metade do século XX, é tema de destaque em Varia Historia

As relações entre ciência, raça e eugenia geraram controvérsias de aspectos políticos e sociais desde longa data. Surpreendente, elas vêm assumindo novo fôlego em nossos dias. O tema é foco do novo dossiê da Varia Historia, que traz instigantes abordagens em seis artigos originais de renomados pesquisadores. Read More →

Conservação da biodiversidade em pauta nas ciências sociais: como aliar desenvolvimento humano e conservação ambiental?

Pesquisa publicada em Ambiente e Sociedade discute a perspectiva das Ciências Sociais brasileiras sobre a Conservação da Biodiversidade. Para além de uma visão calcada apenas na necessidade de conservar, cientistas das áreas de sociologia e antropologia discutem os melhores caminhos para que a conservação não incorra em iniquidades para as populações envolvidas. Read More →

Museu Goeldi discute temas que vão desde a Antropologia à Comunicação em sua última edição de 2016

Da Antropologia à Comunicação, passando pelas também tradicionais áreas de abrangência como Arqueologia, Linguística e História, a nova edição do periódico científico mais antigo do norte do Brasil discute apropriação de espaços urbanos e rurais, estratégias de produção e sobrevivência, estabelecimento de redes sociais e trajetórias da Ciência no Brasil. Read More →

Os povos originários e o pós-desenvolvimento na América Latina

Os povos originários compartem seu território com um conjunto de outros atores e instituições sociais. Pesquisa que publicamos no periódico Ambiente & Sociedade aborda a noção de pós-desenvolvimento na compreensão desta dimensão inter/multicultural dando espaço para escutar as vozes destas comunidades na construção de uma sociedade mais pluralista, inclusiva e democrática. Read More →

Mikhail Bakhtin no grande tempo

O que significa o “grande tempo”? Tatiana Bubnova nos convida a refletir sobre esta noção presente na concepção de cultura e literatura de Bakhtin e na sua antropologia filosófica. O “grande tempo” parece estar relacionado à ideia central a respeito da responsabilidade pessoal, radicada na situação concreta do ato (postupok), diz ela em seu artigo. Read More →

Revista Estudos Avançados discute identidade da arqueologia brasileira

“Existe uma contribuição teórica original que a arqueologia brasileira pode fazer à disciplina?”. O autor da pergunta é Eduardo Góes Neves, pesquisador do Museu de Arqueologia e Etnologia (MAE) da USP e organizador do dossiê Aspectos da Arqueologia Brasileira, que abre a edição (número 83) da revista “Estudos Avançados”. Além do dossiê este número também traz artigos sobre a Amazônia, o Pantanal, as práticas etílicas dos tupi-guarani, o povoamento inicial da América do Sul e as paisagens culturais do planalto sul brasileiro. Read More →

Um dos fundadores da antropologia brasileira tem sua carreira e obra revisitadas em dossiê no Boletim do Museu Goeldi

Dossiê no Boletim do Museu Goeldi destaca a carreira e a obra de um dos fundadores da antropologia brasileira. Read More →

Antropologia, gênero e sexualidade no Brasil: balanço e perspectivas

Em comemoração ao 20° aniversário do Núcleo de Estudos de Gênero Pagu, o periódico lança novo dossiê que aborda o tema balanço crítico da produção antropológica sobre gênero e sexualidade no Brasil. O dossiê é resultado das atividades ocorridas durante a 28° Reunião de Associação Brasileira de Antropologia (ABA). Read More →

Núcleo de Estudos de Gênero Pagu comemora 20 anos com Seminário Internacional

O Núcleo de Estudos de Gênero Pagu da Unicamp responsável pela publicação dos Cadernos Pagu fará um evento nos dias 09, 10 e 11 de setembro em comemoração ao 20° aniversário. Foi organizado um seminário que contará com a participação de convidados nacionais e internacionais para discutir temas como feminismo e gênero, mídias, interseccionalidades e muitos outros. Read More →

Entrevista com José Miguel Nieto Olivar

Em comemoração aos 20 anos dos Cadernos Pagu, o pesquisador José Miguel Nieto Olivar concedeu entrevista explicando o motivo da escolha do tema: alteridade, gênero, sexualidade e afeto que orientam a discussão e os textos que tratam das relações e articulações entre essas categorias, proposto para  um debate publicado no número 41 do periódico, organizado por Adriana Piscitelli e por ele. Read More →

DADOS discute a recepção e a atualidade de Max Weber em seu 150 aniversário

No mês de aniversário de nascimento do sociólogo alemão, o periódico inclui em seu primeiro fascículo de 2014 dois textos que analisam, no primeiro caso, como foram recebidas as ideias de Max Weber nas primeiras décadas de institucionalização da sociologia no Brasil e, no segundo, alguns desafios e dilemas do “paradigma weberiano” na agenda teórica contemporânea. O fascículo também traz contribuições sobre imigração na sociologia clássica, educação e desigualdade, dádiva e humilhação, aborto e direitos humanos. Read More →