Tag: História, Ciências, Saúde-manguinhos

O primeiro hospício do Brasil e o controle social no fim do século XIX

Primeiro do Brasil, o Hospício de Pedro II, no Rio de Janeiro, de 1852, tem aparecido na história da psiquiatria, por influência de Michel Foucault, como a concretização do projeto de controle social de uma elite médica. Com base no estudo de fichas de entrada e outros documentos do hospício entre 1883 e 1889, Daniele Corrêa Ribeiro demonstra a complexidade de atores, relações, demandas e interesses envolvidos na gestão cotidiana do estabelecimento e apresenta novas possibilidades. Read More →

Mentecaptos na história e na literatura brasileiras

Quase um século separa O Alienista, de 1882, de Machado de Assis, e A História da Loucura, de 1961, de Michel Foucault, traduzido no Brasil em 1978. Mas um olhar provocador sobre a loucura e as relações entre saber e poder presente em ambas as obras estimula reflexões sobre as abordagens dos profissionais do campo psiquiátrico ao longo da história. Read More →

Quais foram as mudanças na saúde mental brasileira após 14 anos da publicação do artigo sobre “reforma psiquiátrica”?

Fernando Tenório, autor do artigo mais acessado de HCS-Manguinhos no SciELO, traz um panorama histórico da Reforma Psiquiátrica no Brasil. Em conversa com a equipe do periódico, o autor falou sobre a importância da reforma, da promulgação da Lei de Saúde Mental em 2001, e sobre o que mudou nestes 14 anos após a publicação do artigo. Read More →

Classificação e entendimento das doenças mentais: quais os efeitos no tratamento do doente mental?

Desde a publicação do Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais em 1980 que a classificação das doenças mentais tem sofrido mudanças. Em reformulação recente do documento, as grandes categorias da psiquiatria e da psicanálise foram alteradas: empirismo e observação empírica da doença mental ganharam destaque. Na entrevista, Fernando Tenório discorre sobre as consequências destas novas proposições. Read More →

Fenômenos psíquicos/espirituais: tabu científico há 200 anos

Telepatia, premonição, curas, comunicação com os mortos e outros fenômenos psíquicos/espirituais aparecem nas mais diversas culturas ao longo dos tempos. No século XIX, a ideia de que a mente poderia transcender o corpo intrigava médicos e cientistas, que desenvolveram teorias e debates. Em entrevista ao blog da HCS-Manguinhos os autores discutem as principais abordagens de 1811 a 1860. Read More →

Psicología y medicina infantil en la Argentina de los años 1930

El artículo de Ana Briolotti, del Conicet, se centra en las relaciones establecidas entre la psicología y la medicina infantil. En entrevista al blog de HCS-Manguinhos, la investigadora analiza la psicología argentina en la época y las políticas de asistencia materno-infantil de los años 1930, 1940. Read More →

Ginástica e saúde no Rio nos fins do Império

A ginástica no fim do século XIX era tida como importante ferramenta para o desenvolvimento físico, moral e intelectual das crianças e jovens. Praticada nas escolas e exibida em festividades, era um espetáculo para a sociedade. Por outro lado, refletia contradições sociais como as apresentadas no romance O Ateneu, de Raul Pompéia, que retrata as experiências do protagonista no Colégio Abílio, no Rio de Janeiro. Read More →

Ciência, política e religião nos saberes psicológicos na Itália

“Un enigma llamado Agostino Gemelli”, de Mauro Pasqualini, examina o trabalho do padre franciscano que desempenhou um papel importante na articulação entre o mundo católico, a psicologia e o fascismo na Itália do entreguerras. A pesquisadora da Fiocruz, Ana Teresa Venancio, comenta o artigo e analisa as contradições de Gemelli. Read More →

História, Ciências, Saúde – Manguinhos: a trajetória de um periódico interdisciplinar na Semana Especial do Blog SciELO em Perspectiva | Humanas

O periódico História, Ciências, Saúde – Manguinhos participa da semana especial do SciELO que acontecerá entre os dias 24 e 28 de outubro de 2016. Nosso objetivo é oferecer ao leitor a oportunidade de conhecer os artigos que comporão o volume 23, número 4. Para isso, preparamos matérias interessantes, entrevistas e dois vídeos: um com os editores Marcos Cueto e André Felipe C. da Silva falando um pouco da história e desafios de HCSM, e outro com o autor Fernando Tenório que discute questões pertinentes ao campo da psiquiatria. Acompanhem-nos! Read More →

Ciência e miscigenação racial no início do século XX

Pesquisa analisa o debate internacional sobre ciência e miscigenação racial no início do século XX, com destaque para as interpretações científicas envolvendo a antropologia física brasileira e norte-americana enfatizando as leituras e interpretações de Edgard Roquette-Pinto. Read More →