Tag: Liberdade Social.

Reconhecimento humano e formação virtuosa da vontade

Apresentando a “Condição humana e formação virtuosa da vontade: profundezas do reconhecimento em Honneth e Rousseau”, o ensaio publicado na Educação e Pesquisa, volume 40, número 3, de 2014, propõe um diálogo entre filosofia e educação a partir do entrelaçamento entre teoria do reconhecimento e a formação virtuosa da vontade. Ocupando parte significativa do debate filosófico e pedagógico contemporâneo, Rousseau concebe a formação ética do eu como condição da participação cidadã no espaço público. Read More →