Tag: Urbanismo

Parâmetros de qualidade para sistema cicloviário

Pesquisa demonstra os resultados quanto a criação do IM Ciclo (Índice de Mobilidade Cicloviária) baseado em parâmetros estatísticos/matemáticos que traduzem a continuidade, fragmentação, densidade e funcionalidade de um sistema cicloviário. Com estudo de caso em Balneário Camboriú e Itajaí (Santa Catarina), o resultado demonstra que os indicadores são aderentes e sensíveis à quantificação da qualidade do sistema cicloviário dessas cidades. Read More →

Arquitetura, interfaces e conexões: uma discussão sobre os “lugares em ação”

A arquitetura pode transformar os espaços em “laboratórios” urbanos. A partir da perspectiva sociotécnica e da Teoria Ator Rede, discute-se as interfaces mutáveis a partir do conhecimento criadas pela conjuntura arquitetônica e pela criação de identidades na Arena do Morro (Natal) e no Museu do Amanhã (Rio de Janeiro). A discussão contempla entrevista por escrito e em vídeo. Read More →

Neoliberalismo e a transformação do espaço urbano

O que é a cidade neoliberal? Que tipos de efeitos ela gera no tecido urbano? A discussão é sobre os efeitos da lógica mercadológica na transformação do tecido urbano latino-americano. Pesquisa conceitual e análise de exemplos da América Latina demonstram que as cidades são reestruturadas de forma a camuflar as desigualdades sócioespaciais geradas pelos interesses mercadológicos e do capital imobiliário. Read More →

Improvisação deliberada e planejamento urbano contemporâneo: reflexões com o professor Enrique Silva, do Lincoln Institute

As dinâmicas sociais, em constante transformação, exigem novos modos de pensar o planejamento urbano. Uma das perspectivas que emerge nesse contexto é o planejamento urbano improvisado que surge como alternativa para poder público (associado à participação popular) optar entre aspectos que precisam planejados ou que podem ser conduzidos improvisadamente. Professor Enrique Silva discute algumas questões sobre o planejamento urbano contemporâneo. Read More →

Cidade vertical? A lógica de localização em um sistema urbano

Pesquisa utiliza da Teoria da Sintaxe Espacial (TSE) para discutir a localização de edifícios residenciais verticais dentro do sistema urbano, bem como agentes e fatores definidores desse processo. A análise de sete recortes da cidade de Florianópolis busca entender a lógica da integração e escolha de localização dos edifícios residenciais verticais. Os resultados apontam mudanças ao longo das últimas décadas. Read More →

Como os usuários podem contribuir na produção de espaços arquitetônicos e urbano?

Estudo apresenta as especificidades e consequências da partilha da produção da arquitetura e da intervenção urbana com os usuários. A partir de conceitos de Jacques Rancière e Jacques Lacan, e entrevistas com o coletivo Basurama (São Paulo), observam-se os pressupostos e tratamentos hierárquicos das funções de especialistas e usuários no processo participativo de produção do espaço. Read More →

urbe aborda temas sobre planejamento urbano e desenvolvimento regional em estudos realizados em cidades brasileiras e norte-americanas

A urbe, em seu primeiro número de 2017, apresenta pesquisas realizadas em cidades do Brasil e dos Estados Unidos. Além disso, como resultados dos estudos desempenhados, são expostos casos bem-sucedidos da aplicação de instrumentos relacionados ao planejamento urbano e desenvolvimento regional, assim como pesquisas sobre áreas de fronteira. Read More →

Expansão da psicologia no trânsito

O ato de dirigir é mais que a soma da habilidade de conduzir um veículo e respeitar as regras de trânsito. É também a responsabilidade de monitorar as decisões, ações e reações. Posto isso, é necessário pensar no papel do psicólogo de trânsito a fim de ser um facilitador do tráfego e contribuir na qualidade de vida do condutor e da sociedade, assim como pensar em políticas de prevenção e tratamento para comportamentos de risco de motoristas pelo Brasil. Read More →

urbe retrata questões inerentes ao processo de planejamento urbano de cidades do Brasil, Chile e França

urbe em seu último número de 2016 aborda diferentes formas de analisar o processo de planejamento urbano das cidades, tanto nas complexas realidades brasileiras, como em estudos envolvendo o Chile e a França. Além disso, apresenta pesquisas que retratam questões como gestão territorial, prevenção de desastres naturais, TIC, transformações espaciais, espaços públicos e intervenção urbana. Read More →

Um olhar histórico sobre os primórdios das políticas de águas e de saneamento no Brasil

Pesquisa apresenta fatores estruturais que influenciaram a regulamentação do uso dos recursos hídricos e os serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário do Brasil. Aponta para a política de saneamento que se desenvolveu em consonância com iniciativas e interesses europeus e da emersão da regulação do uso da água, especialmente para privilegiar a geração de energia elétrica em um contexto de crise externa e de centralização administrativa. Read More →

Urbanismo ecológico na América Latina em destaque do periódico urbe

A primeira edição do urbe de 2016 traz uma seção especial sobre urbanismo ecológico na América Latina e Caribe, além de outros artigos que tratam dos desafios do urbanismo no mundo contemporâneo, considerando as necessidades de habitação e mobilidade urbana aliadas com as questões ambientais. Read More →

Entrevista com Nikos Salíngaros

Nikos Salíngaros, físico da Universidade do Texas e indicado como um dos 100 mais destacados pensadores urbanos pelo Planetizen, em entrevista concedida a urbe. Revista Brasileira de Gestão Urbana, fala como se interessou pelo projeto urbano e arquitetura, critica o desconstrutivismo na arquitetura e comenta sobre sua ligação com o novo urbanismo. Read More →