Aposentados que continuam trabalhando estão satisfeitos?

Luciana R. Guerson, mestre em Psicologia pelo Programa de Pós-Graduação em Psicologia (PPGP) da Universidade Salgado de Oliveira (UNIVERSO)

Lucia H. F. P. França, Professora titular do PPGP da UNIVERSO

Silvia M. Amorim, doutoranda do PPGP da UNIVERSO. Niterói, RJ, Brasil

O artigo “Satisfação com a vida em aposentados que continuam trabalhando”, publicado em Paideia (v. 28), apresenta que a variável de maior impacto na satisfação com a vida desses aposentados foi a percepção profissional do trabalho, destacando-se o efeito que o emprego tem na manutenção dos níveis de desafio e realização profissional. Os relacionamentos interpessoais mantidos no local de trabalho foram também relevantes, pois os aposentados se mostram satisfeitos com a rede de contatos e o ambiente proporcionado. A satisfação com a renda foi outra variável que apresentou efeito positivo e significativo na satisfação com a vida, provavelmente por proporcionar oportunidades para usufruir bens materiais e serviços.

Os dados obtidos reforçaram a hipótese de que o trabalho gera satisfação na vida dos aposentados. Assim, a influência da percepção do trabalho, a satisfação com a renda e os motivos intrínsecos na satisfação com a vida desses aposentados corroboraram com estudos anteriores publicados em diferentes áreas e contextos (BRESSAN et al., 2012; JOIA, RUIZ; DONALISIO, 2007; MENEZES; FRANÇA, 2012; WANG et al., 2008).

Nota-se que os recursos humanos das organizações devem atentar para a importância do planejamento e o redimensionamento de seus quadros de pessoal, pautados no aproveitamento de aposentados que desejam continuar trabalhando. Nesse sentido, o trabalho na aposentadoria deve atender a dois aspectos: a) às necessidades das organizações quanto à carência de trabalhadores mais qualificados, não requerendo treinamentos longos e custosos; e b) possibilitar que os aposentados complementem sua renda, mantenham o padrão de vida e transmitam competências e conhecimentos aos mais jovens.

A contribuição original do estudo remete para a urgência e a relevância dos órgãos de recursos humanos das organizações elaborarem estratégias que possibilitem o acolhimento, a flexibilização de horários e o retorno de aposentados que desejam continuar trabalhando.

Referências

BRESSAN, M. A. L. C. et al. Trabalho versus aposentadoria: Desvendando sentidos e significados. Oikos: Família e Sociedade em Debate, v. 23, n. 1, p. 226-250, 2012. ISSN: 2236-8493 [viewed 9 November 2018]. Available from: https://www.oikos.ufv.br/index.php/oikos/article/view/76

JOIA, L. C., RUIZ, T. and DONALISIO, M. R. Condições associadas ao grau de satisfação com a vida entre a população de idosos. Rev. Saúde Pública, v. 41, n. 1, p. 131-138, 2007. ISSN: 0034-8910 [viewed 9 November 2018]. DOI: 10.1590/S0034-89102007000100018. Available from: http://ref.scielo.org/ycyqgk

MENEZES, G. S. and FRANCA, L. H. Preditores da decisão da aposentadoria por servidores públicos federais. Rev. Psicol., Organ. Trab., v. 12, n. 3, p. 315-328, 2012. ISSN 1984-6657 [viewed 9 November 2018].  Available from: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1984-66572012000300006&lng=pt&nrm=iso

WANG, M. et al. Antecedents of bridge employment: A longitudinal investigation. J Appl Psychol., v. 93, n. 4, p.  818-30, 2008. ISSN: 0021-9010 [reviewed 28 August 2018]. DOI: 10.1037/0021-9010.93.4.818. Avaliable from: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/18642986

Para ler o artigo, acesse

GUERSON, L. R. S. C., FRANCA, L. H. F. P. and AMORIM, S. M. Satisfação com a vida em aposentados que continuam trabalhando. Paidéia (Ribeirão Preto), v. 28, e2812, 2018. ISSN: 0103-863X [viewed 9 November 2018]. DOI: 10.1590/1982-4327e2812. Available from: http://ref.scielo.org/rxmycf

Link externo

Paidéia (Ribeirão Preto) – PAIDEIA: www.scielo.br/paideia

 

Como citar este post [ISO 690/2010]:

GUERSON, L. R., FRANÇA, L. H. F. P. and AMORIM, S. M. Aposentados que continuam trabalhando estão satisfeitos? [online]. SciELO em Perspectiva: Humanas, 2018 [viewed ]. Available from: http://humanas.blog.scielo.org/blog/2018/11/09/aposentados-que-continuam-trabalhando-estao-satisfeitos/

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post Navigation