DADOS discute a recepção e a atualidade de Max Weber em seu 150 aniversário

Por Breno Bringel e Marina Bezerra do Nascimento

PreRel_DADOS_revista_ciencias_sociais_discute_recepcao_atualidade_max_weber_150_aniversario_foto2DADOS – Revista de Ciências Sociais, publicação trimestral do Instituto de Estudos Sociais e Políticos da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (IESP-UERJ), lançou em seu primeiro número do ano dois artigos que discutem a recepção e a atualidade de Max Weber. A publicação destes textos coincidiu com as comemorações do 150o aniversário de nascimento do autor alemão. Os textos de autoria, respectivamente, de Glaucia Villas Bôas e Carlos Eduardo Sell analisam, no primeiro caso, como foram recebidas as ideias de Max Weber nas primeiras décadas de institucionalização da sociologia no Brasil e, no segundo, alguns desafios e dilemas do “paradigma weberiano” na agenda teórica contemporânea. Se o primeiro texto se debruça sobre as contribuições de Max Weber à sociologia brasileira em suas primeiras décadas de institucionalização, o segundo examina os esforços internacionais recentes de atualização da teoria sociológica de Max Weber.

Em seu artigo “A Recepção Controversa de Max Weber no Brasil (1940-1980)”, a Professora do Programa de Pós-Graduação em Sociologia e Antropologia do IFCS-UFRJ, Glaucia Villas Bôas, nos mostra como se deu a recepção de Max Weber no Brasil entre as décadas de 1940 e 1980, argumentando que a apropriação das ideias do sociólogo alemão se fez a partir das questões próprias da sociologia brasileira. Problemas, recursas e disputas são sublinhados a partir de um ponto de vista que permite observar que proposições centrais da sociologia weberiana, como a formulação dos tipos ideais e do sentido da ciência, foram recebidas com muita parcimônia e reelaboradas à medida que Weber foi sendo lido em concorrência com outros autores. O artigo retoma textos do periódico Sociologia, onde é possível observar o destaque dado às proposições de Hans Freyer e Karl Mannheim em detrimento das posições de Max Weber a respeito do papel do sociólogo. Além disso, a autora também aborda a controvérsia criada em torno dos tipos ideais, liderada por Maria Sylvia de Carvalho, que envolve escritos de Florestan Fernandes, e Fernando Henrique Cardoso.

Por sua vez, o artigo “Weber no século XXI: Desafios e Dilemas de um Paradigma Weberiano”, do Professor do Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política da UFSC, Carlos Eduardo Sell, já não se preocupa em como Weber foi recebido, mas sim em como pode ser atualizado. Com tal objetivo, o autor nos apresenta uma extensa pesquisa realizada na Alemanha, cujo trabalho intensivo na exegese da obra de Weber desembocou na caracterização de sua obra em torno da temática da racionalização. Partindo desse pressuposto, o autor nos mostra como uma nova geração de pesquisadores vem, mais recentemente, tentando formular uma proposta de atualização da teoria weberiana, colocando-a em confronto com os principais problemas da análise sociológica contemporânea. Quais as características deste “paradigma weberiano” e de que forma ele pode ser avaliado em função da agenda teórica contemporânea? Esta é a questão central explorada no texto, que examina de que modo o programa de pesquisa weberiano insere-se na disputa em torno da articulação entre agência e estrutura na teoria social. Além disso, o autor trata da teoria da modernidade e avalia a tentativa de seus intérpretes em desdobrar as pesquisas weberianas do plano da gênese para o plano da diversificação da modernidade.

Ambos os textos, representam uma contribuição original e oportuna para o debate sobre Max Weber em seu 150o aniversário. Além destes artigos, o primeiro fascículo de 2014 do periódico Dados traz artigos sociológicos e antropológicos, de autores brasileiros e estrangeiros, sobre a imigração na sociologia clássica, educação e desigualdade, dádiva e humilhação, aborto e direitos humanos. Já o segundo fascículo deste ano de DADOS, a ser publicado no próximo mês,será lançado formalmente no IX Encontro da Associação Brasileira de Ciência Política (ABCP), que ocorrerá em Brasília de 04 a 07 de agosto de 2014. Neste número, além de uma breve homenagem póstuma a Robert Dahl firmada por Wanderley Guilherme dos Santos, os leitores encontrarão textos originais sobre pensamento político, participação social, políticas sociais, eleições na Primeira República, política externa brasileira e novas configurações regionais.

Para ler os dois artigos sobre Max Weber, acesse:

VILLAS BOAS, Glaucia. A Recepção Controversa de Max Weber no Brasil (1940-1980). Dados [online]. 2014, vol.57, n.1 [citado  2014-05-27], pp. 5-33 . Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0011-52582014000100001&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 0011-5258.  http://dx.doi.org/10.1590/S0011-52582014000100001.

SELL, Carlos Eduardo. Weber no Século XXI: Desafios e Dilemas de um Paradigma Weberiano. Dados [online]. 2014, vol.57, n.1 [citado  2014-05-27], pp. 35-71 . Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0011-52582014000100002&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 0011-5258.  http://dx.doi.org/10.1590/S0011-52582014000100002.

Para acessar os demais artigos do fascículo:

OLIVEIRA, Márcio de. O Tema da Imigração na Sociologia Clássica. Dados [online]. 2014, vol.57, n.1 [citado  2014-05-27], pp. 73-100 . Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0011-52582014000100003&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 0011-5258.  http://dx.doi.org/10.1590/S0011-52582014000100003.

SOUZA, Pedro Herculano Guimarães Ferreira de  e  CARVALHAES, Flavio Alex de Oliveira. Estrutura de Classes, Educação e Queda da Desigualdade de Renda (2002-2011). Dados [online]. 2014, vol.57, n.1 [citado  2014-05-27], pp. 101-128 . Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0011-52582014000100004&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 0011-5258.  http://dx.doi.org/10.1590/S0011-52582014000100004.

ALVES, Thiago; GOUVEA, Maria Aparecida  e  VIANA, Adriana Backx Noronha. Proposta de um Indicador Socioeconômico para os Alunos das Escolas Públicas dos Municípios Brasileiros. Dados [online]. 2014, vol.57, n.1 [citado  2014-05-27], pp. 129-166 . Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0011-52582014000100005&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 0011-5258.  http://dx.doi.org/10.1590/S0011-52582014000100005.

ALDEIA, João. Para Além do Estado e do Mercado: A Dádiva no Fenômeno dos Sem-Abrigo. Dados [online]. 2014, vol.57, n.1 [citado  2014-05-27], pp. 167-197 . Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0011-52582014000100006&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 0011-5258.  http://dx.doi.org/10.1590/S0011-52582014000100006.

FREITAS, Jefferson Belarmino de. Sobre a Humilhação no Cotidiano do Emprego Doméstico. Dados [online]. 2014, vol.57, n.1 [citado  2014-05-27], pp. 199-236 . Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0011-52582014000100007&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 0011-5258.  http://dx.doi.org/10.1590/S0011-52582014000100007.

LUNA, Naara. A Polêmica do Aborto e o 3º Programa Nacional de Direitos Humanos. Dados [online]. 2014, vol.57, n.1 [citado  2014-05-27], pp. 237-275 . Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0011-52582014000100008&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 0011-5258.  http://dx.doi.org/10.1590/S0011-52582014000100008.

Contato com os autores:

Glaucia Villas Bôas

Instituto de Filosofia e Ciências Sociais da Universidade Federal do Rio de Janeiro (IFCS/UFRJ)

E-mail: glauciavboas@gmail.com

Carlos Eduardo Sell

Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)

E-mail: sell@cfh.ufsc.br

Contato com o periódico:

Breno Bringel, editor

dados@iesp.uerj.br

http://www.scielo.br/dados

Links relacionados:

Dados: Revista de Ciências Sociais – <http://www.scielo.br/dados/>

 

Como citar este post [ISO 690/2010]:

DADOS discute a recepção e a atualidade de Max Weber em seu 150 aniversário [online]. SciELO em Perspectiva: Humanas, 2014 [viewed ]. Available from: http://humanas.blog.scielo.org/blog/2014/06/23/dados-discute-a-recepcao-e-a-atualidade-de-max-weber-em-seu-150-aniversario/

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post Navigation