Author: Intercom: Revista Brasileira De Ciências Da Comunicação

Estrategistas de campanha preferem propaganda política de ataque e com o uso de redes sociais

Ilustração mostrando dois políticos jovens, uma mulher e um homem, discutindo na tribuna.

Informações coletadas com 109 consultores políticos brasileiros demonstram que 81% deles consideram o ataque uma estratégia legítima de campanha, 52% preferem fazer isso via redes sociais e 65% confessam que ataques políticos são mais eficientes. Esses achados colocam em xeque a visão de quem bate perde eleições. Read More →

Para reverter a crise ambiental

A finalidade deste estudo é potencializar o debate público em torno das questões ambientais na cidade de São Paulo, considerando o necessário acionamento de estratégias comunicacionais no âmbito da educação formal e na mobilização de agentes governamentais. Conclui-se como a educomunicação socioambiental traz contribuições para despertar a ecoproatividade cidadã. Read More →

Jornalismo, informação e práticas de cidadania sob a perspectiva da pesquisa em comunicação

Estudos de pesquisadores nacionais e internacionais sobre temáticas relacionadas a práticas jornalísticas, questões de ordem informacional e assuntos relacionados a pesquisa e cidadania fomentam a reflexão e debates sobre a sociedade em que vivemos. Em meio a crises políticas e sociais, o acesso à difusão do conhecimento científico e a reflexão pluralista sobre comunicação mantêm a esperança de que a reunião de ideias, concretizada em um periódico científico, possam não somente somar-se aos trabalhos realizados em uma área do conhecimento, como, também, inspirar os pesquisadores a seguirem em frente. Read More →

Olhares para pensar a comunicação hoje

A comunicação, por sua natureza, demanda pluralidade de abordagens. O volume 41 da Intercom — Revista Brasileira de Ciências da Comunicação reúne artigos que discutem mapas de cenários comunicacionais, dispositivos móveis, discursos institucionais, jornalismo e ensino. Olhares que podem ajudar a entender o presente e a pensar o futuro. Read More →