Category: Press Releases

Professor ou analista? Como a psicanálise pode ajudar a pensar o papel do professor de ciências

Foto em preto e branco. Professor em pé em uma sala de aula, atrás um quadro com representações óticas e ao lado cadeiras de alunos.

Partindo de paralelos entre a formação do professor de ciências e a formação de um analista é possível ampliar discussões sobre como a Psicanálise vem contribuindo para a área da Educação e, em diálogo com as ideias de Lacan e suas formulações sobre os quatro discursos, propor reflexões sobre a formação do professor de Ciências. Read More →

A falta de solidariedade e o desamparo humano na lógica perversa neoliberal

Moisés de Michelangelo. Estátua de mármore de um homem sentado com barba longa e olhar sério, uma tábua em um dos braços. Atrás uma parede com muitos detalhes em alto relevo.

Sustenta-se, a partir da filosofia da educação e da psicanálise, a hipótese de que a racionalidade neoliberal necessita do apagamento do outro para tocar seu projeto perverso e instalar um sistema de relações baseado na indiferença. Como contraponto, recorre-se à ética em Freud, amparada na inclusão do semelhante, experiência central na formação humana. Read More →

Almanack no Bicentenário com Lúcia Bastos Pereira das Neves – E depois das independências: reflexões sobre a fundação do Império Brasílico

Foto da Prof. Dr. Lúcia Bastos Pereira das Neves, uma mulher branca com camisa azul e cabelo castanho. Texto: E depois das independências, reflexões sobre a fundação do Império Brasílico

O Ciclo de Encontros “Almanack no Bicentenário” é uma iniciativa da Revista Almanack que promete debater os temas centrais sobre a independência do Brasil a partir de seus significados pretéritos, presentes e futuros para o Brasil. Acompanhe conosco mais um encontro refletindo sobre a fundação do Império Brasílico. Read More →

Como ocorre o fenômeno Queen Bee em Instituições de Ensino Superior?

Ilustração de uma mulher branca de terno com uma mão apontando e outra estendida. Ao lado uma lista de tarefas e um lápis flutuando acima da mão estendida.

Aplicação do fenômeno quee bee ao caso da Instituições de Ensino Superior (IES), que analisa como a presença de uma mulher atrai outras mulheres para exercer a profissão naquela instituição, mostra que o domínio do conhecimento é um fator que influencia mais a ocorrência do fenômeno em relação às variáveis organizacionais. Read More →

Apropriação dos espaços: entre o conceitual e o irregular

A ocupação do território é direcionada pela ação de agentes públicos e privados, sendo um resultado social complexo e, muitas vezes, não coincidente com as expectativas do planejamento urbano. Nesse contexto, discute-se o conceito de Incremental Housing, um modelo habitacional progressivo que possibilita futuras ampliações por parte dos moradores. Read More →

A avaliação educacional na produção científica vista por meio de análise de redes sociais

A produção científica brasileira sobre a Avaliação Educacional está principalmente localizada em instituições públicas da região sudeste do país. Suas publicações têm reduzido número de pesquisadores, estão centradas no Ensino Superior e abordam uma temática geral dispersa, mais preocupada com validações de testes específicos do que com qualidade da Educação. Read More →

Estrutura familiar e dinâmica educacional entre gerações

Mão aberta de um adulto tocando a mão de uma criança, foto em preto e branco.

Decisões familiares que envolvem investimento em habilidades de seus filhos têm papel decisivo no processo de crescimento e desenvolvimento econômico das nações. Lares uniparentais com mãe registram maior mobilidade intergeracional de educação e menor persistência no nível educacional mais baixo, enquanto lares biparentais possuem maior persistência para o nível mais alto de educação. Read More →

O castigo das professoras: o que era ou não aceitável como prática docente?

Duas professoras afrontaram aspectos específicos do Regimento Interno dos grupos Escolares do Estado de Santa Catarina e foram penalizadas, evento que nos ajuda a entender as representações em disputa a respeito do que era ser ou não ser uma boa professora em um momento de institucionalização da escola elementar no Brasil. Read More →

As imagens do popular na consolidação institucional do sistema sociotécnico audiovisual no Brasil

A presença do popular compõe um traço indissociável do panorama da produção literária, artística, acadêmica e audiovisual no Brasil, sendo possível traçar uma correlação sócio-histórica estabelecida entre o “popular brasileiro” e a sedimentação do sistema sociotécnico audiovisual à luz da afirmação do filme de longa metragem como um formato expressivo. Read More →

Horizontes Antropológicos lança novo debate sobre as antropologias do mundo

Horizontes Antropológicos tem por missão divulgar o conhecimento científico produzido pela Antropologia e fomentar o debate entre diferentes tendências teóricas e metodológicas. O artigo de apresentação do número “História das Antropologias do Mundo” convida a uma reflexão sobre a disciplina a partir da intersecção entre história da ciência e antropologia histórica. Read More →

Sim, algoritmos educam!

Na sociedade de controle, as máquinas computacionais formam pessoas. Por meio de algoritmos, laptops e smartphones induzem os usuários de Internet a certos comportamentos. Seu intuito é torná-los pessoas impulsivas, dispersas e, sobretudo, separadas em grupos. Assim, a sociedade de controle revela uma capacidade poderosa de antecipar e criar desejo. Read More →

Redução do déficit de estatura e a compra de alimentos da agricultura familiar para alimentação escolar no Brasil

A compra de alimentos da agricultura familiar para alimentação escolar no Brasil pode contribuir para a redução na prevalência do déficit de estatura em crianças. Verificou-se uma diferença de médias na prevalência do déficit entre os municípios que compraram menos de 30% e aqueles que adquiriram 30% ou mais de alimentos da agricultura familiar. Read More →